terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Otília bate recorde nos 15 Km de Samora Correia

Foi numa manhã com muito frio, chuva e até granizo que decorreu a prova de Samora Correia.

Na partida com a Otília e António Matias

Nos momentos que antecederam a partida havia alguma anciedade no seio do grupo dos EntroncamentoRunners, a colega Maria José Machado iria realizar a sua primeira prova de 15 Km e logo com aquele frio.

No aquecimento as condições climatéricas até prometiam dar tréguas, as núvens dissiparam e a partida realizou-se em boas condições.

Após o tiro de partida foi com enorme prazer que reconheci o Joaquim Adelino num grupo um pouco mais atrás, abrandei o passo e fui cumprimenta-lo, depois aumentei novamente o passo para tentar chegar à Otília que tinha partido que nem uma bala, mas ainda não tinha chegado ao 1º Km e já o gémeo me dava indicações que a coisa não ia ser fácil, tendo nesse momento optado por parar para não agravar a lesão. O Joaquim Adelino vinha logo atrás, ainda me deu algumas palavras de incentivo, mas a coisa estava mesmo difícil, depois ainda passaram a Joana e o Pinhão, mais palavras de incentivo "vamos" ,"mais devagar", depois ainda vinha o Sr José Canelo (com os seus 84 anos cheios de energia) na companhia da Maria José Machado, foi então que tentei mais uma vez iniciar a corrida e lá fui acompanhando os colegas de treino, mas à passagem pela meta aos 3 Km, com 18 minutos de prova (média de 6' por km) decidi abandonar a prova e entrar para o carro, em boa hora o fiz pois aos 25 minutos de prova a chuva e o granizo não perdoaram obrigando mesmo a Otília e o Joaquim Adelino (nesse momento e até final seu companheiro de prova) a uma pequena paragem para se protegerem.

A espera foi longa, o pensamento centrava-se agora na Otília e se ela conseguiria acabar a prova abaixo da 1h18.

Os atletas começaram a chegar e eu a olhar para o relógio e a tentar vislumbrar no meio dos participantes a minha Otília. Eis então que lá vem ela na companhia do Adelino, o recorde pessoal estava no papo, mais um esforço e marca final de 1h15,59 (oficioso e descontando a paragem para se abrigar do granizo) o tempo oficial ainda não saiu mas foi na da 1h17,00 o que dá recorde pessoal na mesma e com estas condições climatéricas.

(Sequencia fotográfica do Otília e Joaquim Adelino na chegada)

Para os meus botões pensei a Otília vai dizer-me que nunca mais vais entrar numa prova com estas condições climatéricas e aquele pensamento tipo questão "mas o que é que eu ando aqui a fazer?" "Será que se eu estivesse em casa não ganhava mais" vai ser o comentário do dia.

Pois é... enganei-me, a Otília adorou a prova e já diz que para o ano vai marcar presença novamente nos 15 km de Samorra Correia, só mesmo quem anda nisto sabe o que é este "vicio".

No final tive a prazer de conversar com o Adelino que me apresentou a Susana e o Daniel e ainda tive a surpresa de ir ao pódio receber a taça da Maria José Freitas que ficou em 2º lugar de veteranas e a estreante nestas andanças (Maria José Machado) conseguiu chegar ao fim dos seus primeiros 15 km.


Adelino, Brito, Otília, Vasco, Tomás, Susana e Daniel



4 comentários:

luis mota disse...

Olá amigos!
Os meus parabéns em primeiro lugar para a Otília pela conquista da sua melhor marca na distância.
Com um dia mais agradável acredito que o resultado seja melhor. Temos no dia 1 de Março as Três Léguas do Nabão para tentar.
Espero que o José brito recupere e que regresse ao mundo da corrida.
Lembrar o importante apoio do José Adelino, durante a prova. Retirar um amigo de dentro do computador para partilhar longos momentos de corrida como se fossem amigos de longa data. Fantástico!
Uma boa semana de treinos, para a Otília e de recuperação para o José Brito.
Cumprimentos para todos,
Luís Mota

joaquim adelino disse...

Olá amigos Brito e Otília
Foi um prazer partilhar convosco as sensações vividas em Samora Correia, durante e depois de percorridos os 15kms no dia 1/12.
Agradeço as referências que me são feitas durante a corrida mas aquilo foi expontâneo e se assim não fosse eu ficaria de mal comigo.
A Otília esteve muito bem, agora para o Ano já não sei se serei capaz de me meter noutra. Aí entra o Brito que certamente nessa altura
já todos os problemas que tem estarão certamente ultrapassados.
As fótos estão magníficas e agradeço a sua publicação, pois eu não as conhecia.
A Otília passou no meu blogue e deixou palavras bem simpáticas, obrigado.
Recebam um abraço

Paulo disse...

Oi Brito,
vejo que continuas a correr mas agora com uma pequena lesão no gémeo. Parece-me que fizeste bem em parar p não agravar. Eu não fiz isso, andava com uma ligeira dor na perna esquerda, insisti e agora estou com problema no joelho e paragem que já vai em 1 mês. Enfim, ossos do oficio.
Passei aqui só p dar um abraço e desejar continuação de boas corridas
Paulo Paixão

António Almeida disse...

os meus parabéns para os "EntroncamentoRunner´s" em especial para a Otília pelo seu record pessoal aos 15 km.
Espero que recupere da sua lesão.
António Almeida